Enfim, era você



Eu tinha motivos reais, palpáveis e óbvios para te amar. Você é bonito, seu abraço é quente, seu sorriso tem mil quilômetros iluminados, seu humor me faria rir 100 encarnações e você é bom em tudo, mesmo não querendo ser bom em nada. (...) Amava seus erros assim como amava os acertos, porque o que eu amava, enfim, era você.


Tati Bernardi

0 comentários !:

Blog Archive

Tecnologia do Blogger.

Um blog inspirado nos noivinhos mais apaixonados: Menarle & Aline. Muito obrigada pela sua visita, comente, compartilhe, Use&Abuse!

Search

Carregando...

Top 10 (:

Seguidores